Vestido tomara-que-caia é um grande clássico de festa

Os vestidos em modelagem tomara-que-caia são clássicos imbatíveis em muitas festas. Podem criar um estilo romântico quando acinturados e com saias amplas e fluídas. Aparecem em trajes de linhas mais retas como tubinhos. E também em vestidos sensuais com saia sereia, além de muitas vezes acompanhar o corte império. Entre muitos outros...
(Fotos acima: reprodução / coleções do site http://www.arthurcaliman.com.br/)

Se você tem um belo tomara-que-caia de festa, você pode ser dona de um traje atemporal. Por isso, sendo bem cuidado, ele continuará em plena forma para arrasar em outras festas.

A modelagem é indicada para várias ocasiões informais, trabalho ou festas; só depende do tecido escolhido, do comprimento da barra e dos detalhes e complementos.

"Para ficar adequado ao ambiente formal de trabalho, um tubinho tomara-que-caia, por exemplo, pode ser usado sob um blazer acinturado ou reto - com manga dobrada, como na foto abaixo - bolero, camisa ou casaquinho. Nem precisa dizer que cintos e outros acessórios como lenços, pulseiras e etc. complementam a produção."

(Reprodução / diversas fontes desconhecidas - Angelina Jolie - Carla Bruni e Sarah Jéssica Parker)

Todo mundo já sabe, não é?
- Valoriza bustos firmes, pequenos e médios;
- Não é indicado para ombros largos;
- Bojos estruturados dão maior segurança;
- Ficar ajeitando o vestido toda hora, óbvio que é deselegante;

Quem não gosta de ombros totalmente nus, faz adaptações e coloca alças diversas... Aí já não é mais tomara-que-caia, mas continua lindo... lindo... lindo!!!

Limara Lis