Roupa Branca na Virada de Ano?... É na praia?

Confesso, com o maior respeito, que não dou muita atenção à tudo isso que se refere à simpatias de fim de ano. E não me sinto na obrigação de usar esta, ou aquela cor. Acho até que a gente pode usar a cor que bem entender. Porém, se usar branco na virada de ano tem algum significado especial para você, ou se apenas usa para seguir a tradição, ou porque traz um certo frescor à pele e à fisionomia, não importa: Acredite em seu estilo!
(Minha blusa branca "de pavão" com babados, para usar com pantalona bege claro...  Comprei de http://www.missbella.com.br/)

Como sempre, muita gente vai "entrar na onda" do branco. Como não sou supersticiosa, mas sou boa observadora, o que eu percebo é que as pessoas parecem ganhar um semblante mais leve, vestidas assim.

Algumas Inspirações para comemorar na praia: shorts, bermudas, macaquinho, macacão, saias, vestidos curtos ou longos em tecidos leves e fresquinhos. Podem ser de malha, algodão, laise, renda mais rústica, e etc. (E pode-se usar peças que já se tenha em casa, basta estarem bem cuidadas e com a cor preservada!)
(Fotos acima: reprodução do site http://www.dressto.com.br/)

Seja em comemorações descontraídas na praia, ou em celebrações mais refinadas e formais, o branco ilumina e pode ser muito chique:

- Misturar o branco à outras cores neutras como "nude" ou à tonalidades de cores claras é uma opção. 
- Acessórios coloridos quebram a monotonia do branco total. 
- E se o objetivo é brilhar, mas sem ofuscar, é só aderir aos detalhes e acessórios em prata ou dourado, por exemplo.

Sem falar em roupas velhas e encardidas, você já notou que o branco também tem tons diferentes?

(Postagem meramente informativa. Não se trata de publicidade remunerada pelas marcas citadas.)

Limara Lis
V-Vitrine

O que será o Ano Novo?

" É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre."
(Carlos Drummond de Andrade)
 O que será o Ano Novo senão sequência e consequência do ano que a gente deixa ou deixou para trás? Há quem diga que o Ano Novo já começa velho, mas inventou-se que a cada 12 meses a gente pode recomeçar... renascer nossos sonhos: É que a gente precisa do sonho; a gente precisa da festa; a gente precisa do novo...
 A gente precisa "ter o pasmo essencial para a eterna novidade do Mundo." 
(Inspiração / Alberto Caeiro, em "O Guardador de Rebanhos", 8-3-1914)

Feliz Ano Novo! 
 
Limara Lis
V-Vitrine

Feliz Natal, Novos Sonhos e Felicidades em 2012!

"As pessoas mais felizes não tem as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos."
(Trechos de "O Sonho" de Clarice Lispector)

Olá, "V-Vitrinets" queridos(as)!

O Ano Novo vem com um dia extra: 2012 é um ano bissexto. Por isso, se você faz aniversário em 29 de fevereiro - de quatro em quatros anos - não tem como fugir, não é?... E que bom ter 366 dias de novas oportunidades para realizar os seus e os meus - os nossos - sonhos!!!

O V-Vitrine deseja-lhes que, este Natal seja muito feliz e que o ano de 2012 seja repleto de novos projetos e realizações!

Limara Lis
V-Vitrine

Moda para Festas de Fim de Ano: Fashion Five da Riachuelo

 Assim como já fizeram outras grandes redes de moda, a Riachuelo também resolveu juntar-se a renomados estilistas, para criar uma coleção especial para festas de fim de ano: A Fashion Five. Esta coleção foi elaborada por 5 estilistas famosos: André Lima, Huis Clos, Juliana Jabour, Maria Garcia e Martha Medeiros.

 Difícil selecionar apenas dois looks de cada estilista, pois pelo visto a Fashion Five vai arrasar!  Entre outros, alguns destes looks abaixo eu achei deslumbrantes!
 (Por aqui, a Riachuelo mais próxima encontra-se num shopping da cidade de Resende, e devido ao meu tempo corridíssimo ainda não pude conferir pessoalmente. Porém, adoraria tocar nas peças: Gosto de "ver" também com as mãos, para sentir as texturas... e revirar tudo pelo avesso... e conferir detalhes e etc.)

Limara Lis
V-Vitrine

"Uhu" Foz do Iguaçu!

 Voltei de um passeio ecológico e cultural; uma aventura "i-nes-que-cí-vel"... Mas, eu e minha filha não viemos sós, como o previsto, pois estávamos acompanhadas por "iradas" araras, azul e vermelha - mascotes de pelúcia - de matar de inveja até o famoso e falante "Louro José"! (papagaio da Ana Maria Braga, no Programa Mais Você.)  

 As simpáticas avezinhas foram adquiridas em Foz do Iguaçu, na loja de souvenir do imperdível Parque das Aves.
 

 Na ida e na volta, para tentar amenizar o medo (quase pânico) de avião, "segurei nas mãos de Luís Fernando Veríssimo", ou melhor, levei nas mãos as inteligentes crônicas do livro Comédias Brasileiras de Verão, deste querido autor.

 Pessoas de diversas culturas e de todas as partes do mundo, seguem para o sul deste nosso Brasil com o mesmo interesse de conhecer uma das "Sete Maravilhas da Natureza": As Cataratas do Iguaçu (no Parque  Nacional de Foz do Iguaçu). Também faz parte do roteiro, ver de perto uma das "Sete Maravilhas do Mundo Moderno": A poderosa usina, Itaipu Binacional. (Inclusão na lista das sete maravilhas do mundo moderno, em 1995, feita pela Associação Norte-Americana de Engenheiros Civis (Asce) para a revista “Popular Mechanics”, dos Estados Unidos.)

 E eu, brasileiríssima que sou, entrei de corpo e alma nesse paraíso: Entre outros, passei pela Ponte da Amizade, que liga o Brasil ao Paraguai, e circulei pela tão falada Ciudad del Este; ou Cidade do Leste, em português. (Grande point de compras de produtos importados e etc.)...  E já que eu estava por lá, atravessei também a aduana e fui pisar em terras da Argentina; mais precisamente, fui de encontro à  todas as "tentações" do Duty Free Shop Puerto Iguazú.
 

 Uma programação marcante do tour, que não fazia parte do meu pacote de turismo à Foz do Iguaçu, foi o divertido jantar cultural com apresentação de dança e música latino-americana típicas de 7 países, no Rafain Churrascaria Show: Chile, Peru, Bolívia, Paraguai, México, Argentina, e com muita ginga, o Brasil encerrando a noite.

 Foz do Iguaçu é um lugar privilegiado não só pelas maravilhosas quedas d'água, como também pela fauna e pela flora. Um lugar eclético, de mentes criativas e produtivas, que une diversidades culturais, e, que traduz com sensibilidade todas as expressões humanas, mostrando que, independente de nossas crenças, de nossa comunicação verbal e de tudo, somos todos iguais perante a força e a grandiosidade da natureza!

Limara Lis
V-Vitrine

Recadinho ao Leitor e Etc. e Tal...

Olá, queridos V-Vitrinets!

 Aos que comentam aqui, no V-Vitrine, e (ou) enviam e-mail, comunico que na próxima semana estarei ausente, devido a alguns compromissos. Por isso, as publicações de comentários e devidas respostas serão temporariamente adiadas. Na medida do possível, responderei à todos após o dia 13 de dezembro, quando retornar.

 Aos que enviaram e-mail esta semana, todos já foram respondidos. Portanto verifiquem suas Caixas de Entrada e também suas Caixas de Spam.

Enquanto isso, fiquem à vontade:

- Relaxem... Leiam o blog... Revirem suas páginas...

- Sigam o blog (através da "caixinha" de seguidores, ali na lateral).

- Ou recebam as novidades por e-mail (Cadastrem e registrem, também ali na lateral... Depois ao receber o E-mail de Confirmação, será preciso simplesmente confirmar.)

- Façam suas pesquisas digitanto palavras que procuram, como: vestido de festa, blusas, madrinha, casamento, etc. (Ali, na lateral do blog.)

- Colaborem divulgando o blog no Twitter, Facebook e etc.

- Recomendem as postagens no Google: Cliquem e na "caixinha" (+1).


Muito obrigada pela companhia, um ótimo fim de semana à todos vocês, milhões de abraços e até breve!

Limara Lis
V-Vitrine

Vestido tubinho de paetê - Dica básica para "glamourizar" na festa

 O vestido tubinho tem aquela conhecida modelagem reta e básica. É uma peça considerada democrática pois veste bem à todas as idades, estilos e tipos físicos. E se o famoso tubinho tiver o brilho dos paetês, torna-se uma peça "glamourizada" para vários tipos de festas.

 Abaixo algumas inspirações da Love K9 para "brilhar" na medida certa:
(Reprodução / Love K9 - Tubinhos prata, bronze e preto)
Parece brincadeira, mas não é!
 Para usar brilho na medida certa é só seguir passos contrários aos daquela personagem espalhafatosa, a Lady Kate (vivida pela ótima atriz Katiuscia Canoro do programa Zorra Total), que confunde elegância e refinamento com amontoar-se de acessórios e com exagero de brilho; usado da cabeça aos pés!

Limara Lis
V-Vitrine

Vestido e regata de paetê para brilhar nas festas de fim de ano

 Eu voltava pela manhã, em ritmo não menos acelerado, da minha caminhada, quando passei "correndo" pelas lojas Marisa, de Barra Mansa - RJ. E, como estamos à um passo do Natal e do Revèillon, o que me chamou a atenção no segmento de moda jovem, entre outros, foram as vestidos e regatas de paetê.

 Estes abaixo são de mini paetês, e, sob meu ponto de vista permitem personalização na hora de usar: Por exemplo trocar a faixa original do vestido rosa por outras, conforme a sua criatividade. _ Quem sabe uma faixa terminada em laço?

 O pretinho curto, em modelo regata com cava estilo nadador fica lindo para as mignons. Já para as de estatura alta, (em caso de ficar muito curto) pode ser usado com legging, por exemplo. Ou até pode uma virar túnica, se usado com um cinto e acompanhado de jeans e etc.
(Como estava sem câmera peguei images no site da Marisa)
(Imagens / reprodução: site Marisa)
 Agora, a regata de paetê é realmente um curinga no armário pois combina com saias, shorts, bermudas, alfaiataria, jeans e vai à diversos estilos de comemoração. Esta acima tem um decote diferenciado nas costas que é ótimo para quebrar a sobriedade de um look preto total.

 Estas são algumas inspirações para quem gosta de brilhar nas festas, porém sem gastar uma fortuna!

Limara Lis
V-Vitrine

Sapatos com brilho no Natal e no Ano Novo, sem ofuscar!

 Os sapatos metalizados sempre invadem as prateleiras, especialmente na temporada de festas de final de ano. Querendo ou não, eles vão brilhar nas festas. Mas como usá-los com elegância e "sem ofuscar" nas festas de Natal e Ano Novo?

 Como os calçados metalizados, com lamê, paetês e detalhes de brilho chamam a atenção para os pés, escolha um modelo que além de confortável, seja adequado ao seu traje. E como todo mundo vai olhar, o sapato "para brilhar" não pode ser mais ou menosTem que ser o mais lindo do mundo! (Pelo menos sob o seu ponto de vista.)

_  Prefira usá-los à partir das 17,00 horas. Abuse à noite.

_  Alguns modelos são mais informais e outros mais refinados. Combine-os com o traje adequado. Ficam lindos com jeans ou trajes sociais, só depende do tipo de calçado e ocasião.

_  Prefira combiná-los com roupas que não sejam douradas, prateadas ou com brilho. Abuse com roupas de cores lisas, sem muitos detalhes e especialmente de cores neutras: branco, preto, nude, cinza,  marrom e etc.

_ Também podem ser usados com cores claras ou escuras, vibrantes ou pastel, ou combinadas entre si. Crie um visual harmonioso e sem excessos.

_  O dourado e o ouro velho, dependendo do tom de sua pele, podem funcionar nos pés tal qual os sapatos nude: alongando a silhueta. (Especialmente os tons mais foscos.)

"Lembre-se que você faz o seu estilo, e, a criatividade somada ao bom senso fazem multiplicar as formas de usar!"

Suas dicas também são bem vindas. Por isso, não se esqueça de comentar!

(Fotos/ Reprodução:
www.arezzo.com.br/verao2012/)


Limara Lis
V-Vitrine

Sapato alto para quem "não desce do salto" nas festas!

  Após falar de sapatos baixos de festa para quem não gosta de encerrar a noite descalça ou de chinelos, é claro que eu não poderia "deixar de fora" as leitoras apaixonadas por sapatos de salto alto.
 E olha que, tem algumas que não descem do salto de jeito nenhum: trabalham o dia todo de salto e suportam horas e horas "nas alturas" em qualquer situação, sem perder a pose e o rebolado. (Risos!)...  Será?!

 A atriz Deborah Secco, por exemplo, disse que apesar de ter desfilado diariamente sobre grandes saltos para viver sua ex-personagem (Natalie Lamour) em Insensato Coração, para o dia a dia ela própria prefere calçados baixos e confortáveis... Mas, parece que ela já está muito bem treinada para encarar qualquer salto!

Nas alturas:
- Salto meia pata: Dizem algumas usuárias que estes são mais confortáveis e que dá para ficar algumas horas tranquilamente sobre o salto. Outras afirmam que, por algumas horas é até possível, mas que mesmo confortáveis torna-se difícil para uma "pé de valsa" dançar por muitas horas seguidas, por exemplo.

- Salto Plataforma: Quando todo o pé fica apoiado como se você estivesse sobre um "degrau". Para passeios e eventos descontraídos no verão... Festa na praia, por exemplo. (Salto Anabela, plataformas de cortiça ou corda e etc.)

 Falando em sapato, o modelo scarpin é um luxo! Este clássico vem ganhando designs diferenciados e dispensa comentários. Entre eles o scarpin peep toe (acima) que é aberto nos dedos e inspira-se no vintage. É romântico e traz elegância para diferentes trajes e estilos.
(Salto largo, alto e com solado meia pata embutido na frente)

 Parece que o salto alto continua mexendo como imaginário "deles" e "delas". Eles acham sexy e elas "se acham" irresistíveis sobre um super salto. Dizem que empina o bumbum, além de alongar a silhueta. Garantem que torna o movimento de andar mais sensual e etc... etc... etc...

 E claro que gera polêmica: Entre outros é  preciso boa postura, equilíbrio e saber andar com elegância. Alegam que ficar sobre o salto trabalha a panturrilha; mas pode causar caimbra e outros sintomas desagradáveis. E, entre outros, ortopedistas dizem que é melhor moderar no uso do salto, e, que os médios (cerca de 4 cm.) são mais indicados para a saúde da coluna e das articulações. 

 Assunto não falta para que esta conversa seja tão comprida quanto o próprio salto, não é? Então, que tal você mesma contar sua experiência com o famoso salto alto nos comentários?

 (Fotos de calçados: 
http://www.carmimstore.com.br)

Limara Lis
V-Vitrine

Sapato baixo também pode arrasar nas festas, ou não?!

 Para quem já "nasceu de salto alto" e para quem quer estar linda feito Cinderela, mas do início ao fim da festa... Ou seja, para quem não quer sair descalça, ou com os pés em bolhas, ou ver toda aquela elegância virar Gata Borralheira com sandálias de borracha:

Baixinhos e chiques!
- Sapatilha: Onde usar? - Entre outros, podem ir de festas mais descontraídas à casamentos, formaturas e etc. se combinadas com elegantes vestidos românticos curtos ou longos, por exemplo. (Especialmente modelos de bico levemente afinado com toque refinado de brilho, pedrarias, metalizado ou um visual nobre e diferenciado)


- Peep Toe: Onde usar? - Diversas festas. (Os modelos de salto pequeno ou médio podem ser combinados com diversos modelos de vestido em tecidos mais leves ou mais encorpados.

- Scarpin: Onde usar? - Entre outras, festas em ambiente de trabalho, por exemplo.
- Flat: Onde usar?- Em festas descontraídas e comemorações na praia, por exemplo. (Rasteirinhas metalizadas, com pedrarias e detalhes refinados.)

 "As referências de onde de como usar são apenas hipóteses e cada uma adapta ao seu estilo, tipo físico, idade, formato de pé, tipo de traje, tipo de festa, local, horário e etc..."
Baixinhas podem usar sapatilhas?
- Dizem alguns especialistas, que sim. E neste caso, para alongar as pernas são melhores os tons nude (cores próximas do tom da pele) e os modelos super cavados no peito do pé. (Também para outros tipos de sapato).

 Entre tantos outros, estes são alguns modelos de sapatos baixos que podem servir de referência... E, vamos combinar que você também vai compartilhar comigo, nos comentários, seus modelos de calçados - chiques e baixinhos - favoritos?


(Fotos Reprodução:http://santalolla.com.br/)


*(As fotos são meramente ilustrativas e  precisariam ser renovadas constantemente, porém ao ritmo da moda é impossível tanta atualização! Mas, se alguém desejar nova postagem sobre o tema, por favor deixe comentário. Grata!)

Limara Lis
V-Vitrine

Natal e Revèillon: Inspiração de Moda / Carina Duek para a C&A

 Como falamos sobre vestidos de renda e inspirações para o Natal e o Revèillon que se aproximam, lembrei-me que há poucos dias estive numa loja física da C&A, que fica num shopping de Volta Redonda, onde conheci algumas roupas da estilista Carina Duek... Não me surpreendi quando minha filha de 24 anos gostou de muitas peças. Ela experimentou algumas, mas como tem de altura 1,64 e seu manequim é PP ou 34, (magérrima e com aparência de 17 anos) só conseguiu comprar uma camiseta laranja (ou tangerina) que pode ser usada mais soltinha com legging, ou com cintinho fino sobre jeans, ou ainda usada por dentro da calça; daquele jeito que vocês conhecem que é afofado na cintura.
(Minha filha comprou uma igual... Também havia branca e turquesa clarinho.)

 Aliás, vale garimpar em lojas de departamento e adquirir boas peças. E o melhor é não comprar tudo numa mesma loja, mas apenas algumas peças alternadas daqui e dali e montar looks diferenciados com o que já se tem em casa... Então, hoje as inspirações vieram de looks da coleção de Carina Duek, criada especialmente para a C&A:


 Não vou descrever todos, mas são saias e vestidos curtos e longos, camisas, regatas, shorts e etc... Vale conferir as cores, estampas, tecidos e modelos no site ou direto nas lojas, pois também tem bolsas, cintos, sandálias e etc... etc... etc...


(Fotos: reprodução C&A)

Limara Lis
V-Vitrine